Fesporte tem assegurados recursos para cumprir calendário em 2018

Competições da entidade movimentam mais de 500 mil atletas por ano em todo Estado

0
230
Presidente da Fesporte Natália Petry e o Secretário de Estado Tufi Michreff Neto cortaram o bolo comemorativo aos 25 anos da entidade. Fotos: Divulgação/Fesporte.

     O orçamento do Estado que contempla o vasto calendário da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) no segundo semestre está garantido. Foi o que anunciou a presidente da entidade Natália Lúcia Petry por ocasião de dois eventos simultâneos realizados na tarde da última quarta-feira (11) no auditório da autarquia que comanda. “Recebemos a garantia de nosso governador Eduardo Pinho Moreira de que podemos nos tranquilizar. Trata-se de uma grande conquista para o esporte diante das inúmeras dificuldades econômicas que estamos enfrentando”, afirmou Natália Petry. O encontro, que marcou as comemorações pelos 25 anos de fundação da Fesporte, contou com a presença do secretário da SOL Tufi Michreff Neto.

    Instituída a partir da Lei 9.131, de 6 de julho de 1993, a Fesporte tem na sua principal finalidade organizar e desenvolver o esporte no Estado. A entidade movimenta mais de 500 mil atletas anualmente nos segmentos escolar, de necessidades especiais, de inclusão e de rendimento nas mais variadas faixas etárias. Os Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), Joguinhos Abertos, Olimpíadas Estudantis (OLESC), Jogos da Terceira Idade (JASTI) e o Festival Estudantil de Dança (Dança Catarina) estão entre as competições com maior incidência de participantes e representação de praticamente todos os municípios do Estado.

Entre convidados e ex-integrantes da equipe, parte do grande staff da Fesporte participou das comemorações dos 25 anos

     Durante o evento na Fesporte, técnicos da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo e Esporte (SOL) também aproveitaram para apresentar aos gestores esportivos o projeto “Observatório do Esporte Catarinense”.  Trata-se de uma iniciativa que visa monitorar e mapear diversos indicadores do esporte e lazer a partir de um amplo estudo que terá a colaboração das entidades esportivas, sobretudo as federações e suas modalidades. Levantamento de pesquisas, dados, números e elaboração de indicadores em diferentes eixos vão servir para a tomada de ações estratégicas de modo a promover o esporte com qualidade de vida à população catarinense.

DEIXE UMA RESPOSTA