Comitê abre série de visitas aos participantes dos JOBIS 2018

A competição será disputada em Florianópolis, no período de 1º e 10 de novembro

0
106
Presidente da ANSEF João Antunes (direita) deu detalhes ao superintendente da PRF/SC Carlos Magno Júnior do funcionamento dos JOBIS 2018 que acontece em novembro, em Florianópolis. Foto: Cifesc/Júlio Castro

     A visita ao superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Carlos Magno da Cruz Júnior, feita pelo presidente da Associação Nacional dos Servidores da Polícia Federal (ANSEF), João Antunes, na manhã do dia 21 de maio, inaugurou a série de compromissos junto às principais autoridades de segurança pública que atuam no estado que vão participar da 1ª edição dos Jogos Brasileiros das Instituições de Segurança Pública (JOBIS). A competição será disputada na capital catarinense, no período de 1º e 10 de novembro do corrente ano.

     Com a tradicional cordialidade, o superintendente da PRF catarinense ouviu de Antunes as primeiras informações relacionadas a competição que deverá contar com a participação de mais de 1.500 atletas. Além de apresentar o evento e pedir o apoio institucional e a participação dos agentes da PRF nas disputas, Antunes convidou o superintendente para o lançamento dos JOBIS que acontecerá no dia 21 de junho, na sede social da AABB, como também da solenidade de abertura, em 1º de novembro, no Centro de Eventos Oceania, na praia dos Ingleses, no Norte da Ilha.

     “Iniciativas como estas são sempre bem-vindas para nossa corporação, especialmente por se tratar de um evento esportivo. Será uma grande oportunidade para que possamos agregar as forças de segurança, fortalecer as relações institucionais e, principalmente, interagir em espírito de amizade e companheirismo”, comentou o superintendente Carlos Júnior, que tem ao seu comando em Santa Catarina, 480 agentes ativos, distribuídos em oito delegacias que coordenam 26 postos nas rodovias federais catarinenses.

     João Antunes ainda reforçou que os JOBIS servirão de evento teste para que Florianópolis possa sediar os Jogos Mundiais de Polícias e Bombeiros, evento que deve reunir cerca de 10 mil atletas. “Uma comissão de observadores que promovem o Mundial deverá visitar os JOBIS deste ano para avaliar as instalações e, quem sabe, fazer de Florianópolis a próxima sede desse grandioso evento, que seria o primeiro na América do Sul”, afirmou João Antunes, que lidera o comitê organizador dos JOBIS, ao lado do coordenador técnico, José Alberto do Valle Pereira.

DEIXE UMA RESPOSTA