Encontro em Joinville discute futuro do esporte catarinense

Proposta é de criar uma agenda positiva para o esporte com impacto na sua qualificação

0
613
Cidade com grande tradição e frequentes conquistas nas disputas estaduais dá largada para promover a qualificação e incremento nas práticas esportivas. Foto: Divulgação/SESPORTE.

                    Vem de Joinville, cidade que detém os maiores índices de praticantes de atividades esportivas no Estado, o exemplo e a preocupação com o futuro do segmento em nosso Estado. Evento promovido e organizado pela Secretaria de Esportes de Joinville (SESPORTE) reuniu nesta segunda-feira gestores esportivos das cidades de Blumenau, Jaraguá do Sul e Tubarão. Em pauta o futuro do segmento em Santa Catarina.

                    No denominado Fórum do Esporte, representantes esportivos discutiram o atual momento do segmento e ações voltadas ao futuro na forma de apresentação de propostas para efetivas melhorias em suas mais diversas manifestações. A iniciativa da Sesporte surgiu após a constatação que as competições organizadas em âmbito estadual perderam representatividade e valor social nos últimos anos.

               Mesmo com esse quadro, os investimentos no chamado esporte de rendimento ainda representam a maior fatia do orçamento das fundações e secretarias de esportes. A proposta é criar uma agenda positiva para o Estado de Santa Catarina, a partir de uma visão de outros municípios que permita qualificar um planejamento de médio a longo prazos.

               “É uma troca de ideias. Nós temos os mesmos problemas, as mesmas angústias e também o mesmo objetivo, que é fomentar o esporte”, disse o secretário de esportes, Douglas Strelow. O segundo encontro, com a participação ampliada de outros municípios, já tem data e local: será no dia 18 de maio, às 15 horas, em Blumenau, cidade que sedia de 17 a 21 de maio os Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti).

Durante o evento, o secretário de esportes Douglas Strelow apresentou um relato do planejamento estratégico do esporte em Joinville, e o diretor executivo Geraldo Campestrini falou sobre o tema “o impacto e o futuro do esporte em Santa Catarina”. Campestrini defendeu a necessidade de novas propostas, de quebras de paradigmas e a realização de jogos que sejam competitivos e representativos.

               O diretor executivo apresentou os cinco desafios para o futuro do esporte de Joinville e que servirão de base para as ações que estão sendo propostas no fórum:

Os cinco desafios para o futuro do esporte de Joinville

1 – Diminuir a dependência das modalidades por recursos públicos

2 – Melhorar a infraestrutura esportiva na cidade

3 – Contribuir com a diminuição dos índices de obesidade infantil e sedentarismo

4 – Fomentar o esporte de rendimento e a realização de eventos para a divulgação da cidade

5 – Participar de competições que façam sentido para a população local.

 

Fonte: Secretaria de Esportes de Joinville (SESPORTE)

 

DEIXE UMA RESPOSTA