Leonel Pavan reúne equipe para início de trabalhos na SOL

Equipe se reuniu com Leonel Pavan para tomar conhecimento da situação financeira da SOL e suas fundações.

0
338
Secretário da SOL Leonel Pavan (centro) e o presidente da Fesporte Vadinho (primeiro à direita) mantiveram encontro de trabalho na segunda-feira. Foto: Divulgação/SOL

          O novo secretário estadual de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, iniciou os trabalhos à frente da pasta na segunda-feira (09), no retorno do recesso de fim de ano do Poder Executivo. No primeiro dia, reuniu-se com membros da nova equipe, atualizou-se sobre a situação financeira do órgão e atendeu jornalistas.

          Para o novo secretário, é motivo de muita alegria estar à frente da Secretaria. De acordo com Pavan, Santa Catarina possui uma enorme diversidade de atrativos, é um estado riquíssimo em patrimônio cultural, histórico, gastronômico e natural e que precisa ser valorizado com inovação e criatividade.“É preciso valorizar o que temos e inovar com criatividade no turismo, na cultura e no esporte. Santa Catarina é um estado que serve de exemplo para o país e de nossa parte não faltará empenho e trabalho”, afirmou.

          Leonel Pavan também já anunciou os primeiros nomes de sua equipe. Responderá pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC) o professor Rodolfo Pinto da Luz, pela Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Nunes Caetano (Vadinho), e permanecerá na Santur Valdir Walendowsky, que foi secretário de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina quando Pavan foi governador (2010).

          Enquanto se reunia com Leonel Pavan, Erivaldo Nunes Caetano, o Vadinho, que retorna à presidência da Fesporte passados dois anos, recomendou ao seu futuro chefe de gabinete Adriano Rosa dos Santos que fizesse uma visita à Fesporte para tomar conhecimento das demandas iniciais da casa. A definição do orçamento da Fesporte, a divulgação oficial de seu calendário 2017 e a busca por uma solução que possa reenquadrar pessoal de apoio para a realização das fases iniciais de competições, uma vez que foram extintas as funções dos 35 integradores esportivos regionais, estão na pauta de ações preliminares na gestão de Vadinho e sua equipe no primeiro trimestre de 2017.

Com informações da assessoria de imprensa da SOL.

 

DEIXE UMA RESPOSTA