Brusquenses garantem vaga na Superliga B de 2017

0
1289
Time catarinense venceu as duas partidas do torneio realizado no interior do Paraná e carimbou sua classificação para a Superliga B de 2017. Foto: www.esportesc.com

A equipe da Abel/Havan se sagrou campeã da Taça de Prata, competição disputada no Paraná equivalente a terceira divisão do voleibol nacional. Depois de vencer Maringá na estreia, as atletas ficaram com a taça após baterem as donas da casa, Telêmaco Borba. Ambos os jogos acabaram em 3 sets a 1 para as brusquenses.

No último jogo, a vitória veio apenas de virada. Após sair perdendo por 25 22, as brusquenses viraram o duelo e garantiram o primeiro lugar com vitórias por 25/16, 31/29 e novamente 25 a 16. Agora, o grande desafio da equipe brusquense é a montagem do elenco para a disputa da segunda competição mais importante do vôlei nacional.

“O próximo passo é montar o time pra Superliga B. É um sonho muito possível”, avalia o técnico Maurício Thomas. “Em Brusque tivemos recorde de público na época e temos uma cidade apaixonada por voleibol. É isso que queremos resgatar”, declarou, logo após a competição.
A competição teve seis equipes divididas em dois grupos de três. As equipes se enfrentaram dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores classificadas de cada grupo garantiram um lugar na Superliga B. O grupo A foi disputado em Telêmaco Borba (PR) entre os dias 3 e 5 de novembro e contou com Brusque (SC), AMAVôlei (PR) e Telêmaco Borba (PR). As donas da casa e as catarinenses obtiveram as vagas em disputa.

O grupo B aconteceu em Barueri (SP), entre os dias 31 de outubro e dois de novembro, e foi formado por Barueri (SP), ADC Bradesco (SP) e Sada Betim (MG). Os dois primeiros conquistaram as vagas para a Superliga B. O sistema de pontuação seguiu o mesmo da Superliga. Vitória por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1 rende três pontos ao vencedor. Vitória por 3 sets a 2 dá dois pontos ao vencedor e um ponto ao perdedor. A edição masculina terminou na no fim do mês de outubro e classificou Sesc (RJ), Clube Jaó (GO), Rádio Clube/AVP (MS) e Montecristo (GO) para a Superliga B.

Fonte: www.esportesc.com

DEIXE UMA RESPOSTA